Conheça a origem do evento que marca a história de atuação política de estudantes de jornalismo

XI Semana da Resistência inicia nesta segunda-feira, no campus central da UEPG

A XI Semana da Resistência começa hoje, dia 27, e vai até a próxima quarta-feira, dia 29, no Campus Central da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG). O evento surgiu a partir de episódio do início dos anos 2000 quando estudantes se organizaram para lutar contra o sucateamento da universidade.

 

A Semana da Resistência tem origem em 2004 quando estudantes se mobilizaram contra a falta de professores na Universidade. Na ocasião, diante do cenário que sinalizava o descaso do governo estadual com as universidades públicas, em forma de protesto, alunos e professores acamparam, durante um mês, em frente à UEPG. Nesse momento, também foi criada a Rádio Resistência.

O evento é organizado pelo Centro Acadêmico João do Rio (Cajor), do curso de Jornalismo da UEPG. Este ano, o tema é “Direitos humanos, resistência e Jornalismo”. A programação contará com palestras, a partir das 9 horas, e oficinas, no período da tarde.

Segundo o presidente do Cajor e acadêmico do segundo ano de Jornalismo, Gustavo Ban, no dia 27, pela manhã, haverá mesa de debate focando os temas acessibilidade na mídia, a mídia indígena, a representação do negro na mídia.

No segundo dia, 28, a discussão será sobre a mulher nas mídias. O terceiro dia encerra a Semana com uma palestra sobre jornalismo esportivo e assessoria de imprensa no terceiro setor.

Os participantes receberão certificado equivalente a 20 horas. As inscrições podem ser feitas através de formulário online. Acesse o link https://docs.google.com/forms/d/1nm97y8_8BhtOG6Ns-AOTtubfflc0lmA8tIsjli-8caQ/viewform?c=0&w=1.

Salvar

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar