Veja as principais rotas de acesso rodoviário a Ponta Grossa (PR)

 

Ponta Grossa é uma cidade de porte médio (mais de 315 mil habitantes) na região dos Campos Gerais e responde pelo principal entroncamento rodoviário do Paraná. Localizada a 110Km de Curitiba, a cidade faz limite com os municípios de Carambeí, Castro, Palmeira, Teixeiras Soares, Campo Largo, Tibagi e Ipiranga. Algumas das cidades vizinhas servem de opção de visita e turismo aos eventuais interessados que participam no fim de abril do do II Fórum Sul-Brasileiro de Professores de Jornalismo.

 

Norte: Castro, Carambeí e Tibagi

Pela saída norte, é possível chegar a Castro, a 40Km de distância, seguindo pela rodovia PR-151 (trajeto que inclui uma praça de pedágio). Antes da entrada principal, existe acesso secundário que leva a Castrolanda, que possui famsa réplica de moinho holandês. Para quem for a Castro, uma opção é esticar o passeio até Tibagi, com passagem pelo Parque Nacional do Canion Guartelá, além de outras opções de lazer e de visitação histórica. Tibagi situa-se a 105Km de Ponta Grossa e a 62Km de Castro. No mesmo percurso rodoviário, a 15 minutos de carro de PG, o visitante encontra o município de Carambeí, onde se recomenda um passeio pelo Parque Histórico da Imigração Holandesa.

 

Sul: Palmeira

Para visitar Palmeira, o viajante deve seguir rumo à saída para Curitiba, onde deve entrar na PR-151, cruzando por cima do viaduto. O trajeto é de 40 quilômetros. As principais atrações são os acervos do Museu Histórico Municipal, Museu Étnico e Histórico da Colônica Witmarsum, Chácara Museu da etnia Russo-Alemã e Museu do Artesanato Nacional. A região também foi sede da Colônia Cecília – projeto anarquista desenvolvido por imigrantes italianos. No percurso encontram-se colônias de tradição russa e afro.


Leste: Campo Largo

Para ir de Ponta Grossa até Campo Largo o caminho é pela BR-376 e a viagem dura 1 hora, com passagem por duas praças de pedágio (R$ 15 aproximadamente). A cidade, conhecida como “Capital da Louça”, tornou-se um centro de compras de artesanatos e louças. Opção próxima é a serra e o lugarejo de São Luiz do Purunã. Pela mesma saída de Ponta Grossa, o turista acessa o Parque Estadual de Vila Velha, com os famosos arenitos (a 20 minutos de carro e aproximadamente 40 minutos de ônibus). Já no sentido do distrito de Itaiacoca, pela Rodovia do Talco (PR-513), o visitante encontra os principais atrativos em belezas naturais, como o Buraco do Padre (atualmente em reformas), a Cachoeira do Rio São Jorge, a Cachoeira da Mariquinha, as Dulinas Gêmeas, além do lugarejo conhecido como Passo do Pupo.

 

Oeste: Irati e Prudentópolis

Aos visitantes que optarem por conhecer os municípios de Irati e de Prudentópolis, resta percorrer um trajeto aproximado de 100 Km no sentido oeste. As opções de deslocamento são pela BR 373, sentido Guarapuava, ou pela PR 438, sentido Teixeira Soares, com passagem pelo distrito ponta-grossense de Guaragi, vilarejo onde fica o tradicional Bar do Pelé, além de prédios históricos.

 

Confira mapa turístico de Ponta Grossa

Confira mapa rodoviário do Paraná 

 

Meios de Acesso ao Município (fonte: Prefeitura Municipal de Ponta Grossa)

RODOVIAS

Rodovia BR 376 - Rodovia do Café - Artéria vital do Estado, é a ligação do Porto de Paranaguá ao Norte e Noroeste paranaense, assim como ligando o Estado com São Paulo e Mato Grosso.

Rodovia BR 376/277 - Trecho Ponta Grossa - Curitiba Paranaguá, em pista dupla, é a ligação do Município com o Porto de Paranaguá.

Rodovia BR 277 - Proporciona acesso às regiões Oeste e Sudoeste do Paraná. É a porta aberta ao Paraguai e à Argentina.

Rodovia PR 151 - Permite ligação com o estado de São Paulo e ao Planalto Central, através do acesso à região Nordeste do Estado. Faz ligação Ponta Grossa - Itararé.

Transbrasiliana - Rodovia de ligação Norte-Centro-Sul do Brasil, passando próxima a Ponta Grossa e constituindo-se, no futuro, em uma das mais importantes vias de escoamento da produção.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar